quarta-feira, 14 de março de 2018

Video Ensaio

The Spielberg Face

Video Essay Catalog No. 91 by Kevin B. Lee. Featured on the New York Times and other outlets. Originally published December 13, 2011 on Fandor.

https://vimeo.com/199572277

Ementa Multimeios 1_2018


           
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO
FACULDADE DE FILOSOFIA, COMUNICAÇÃO, LETRAS E ARTES
FAFICLA


PROGRAMA DE ENSINO

Curso: Comunicação e Multimeios    Depto.: Ciência da Computação
Disciplina: LINGUAGENS IMAGÉTICAS I: VÍDEO E TV Cred.: 02
Professor: Lucia Leão        Horas/Aula: 71
Sem/Ano: 1º/2018   Turno: Vespertino

I. Ementa

Introdução à Estética e Teoria das mídias audiovisuais. Panorama histórico do audiovisual. Transformações do audiovisual no contexto da cultura digital e da convergência das mídias. Elementos e métodos de análise do audiovisual. Tendências na linguagem audiovisual: (1) documentário; (2) estética DIY – faça você mesmo; (3) seriados. Processos de criação audiovisual: (1) dispositivos móveis; (2) remediação, multi-screens e multiplataformas; (3) remediação e remix.


II. OBJETIVOS

1.         Apresentar uma introdução à Estética e Teoria das mídias audiovisuais.
2.         Estudar o panorama histórico do audiovisual.
3.         Pesquisar a respeito das transformações do audiovisual no contexto da cultura digital e da convergência das mídias.
4.         Discutir conceitos fundamentais e métodos de análise do audiovisual.
5.         Analisar projetos em linguagem audiovisual: (1) documentário; (2) estética DIY – faça você mesmo; (3) seriados.
6.         Realizar exercícios de processos de criação audiovisual: (1) dispositivos móveis; (2) remediação, multi-screens e multiplataformas; (3) remediação e remix.
7.         Realizar exercícios integrados com as disciplinas de História da Arte e Manipulação da Imagem.
8.         Desenvolver um projeto de vídeo-ensaio


III. CONTEÚDO

-           Introdução à Estética e Teoria das mídias audiovisuais.
-           Panorama histórico do audiovisual.
-           Cinema, televisão, vídeo, transmedia, screen.
-           Transformações do audiovisual no contexto da cultura digital e da convergência das mídias.
-           Elementos e métodos de análise do audiovisual.
-           Enquadramento, luz e composição
-           Montagem, edição e pós produção
-           Perspectivas da linguagem audiovisual: (1) documentário; (2) estética DIY – faça você mesmo; (3) seriados.
-           Processos de criação audiovisual 1: dispositivos móveis (vídeo e celular)
-           Processos de criação audiovisual 2: remediação e multiplataformas (filme, internet e TV)
-           Processos de criação audiovisual 3: poéticas do arquivo e remix
-           Desenvolvimento de projeto de vídeo ensaio

IV- METODOLOGIA

Aulas expositivas, análise de produtos audiovisuais e exercícios práticos. Discussão em classe de leituras de textos recomendados. Seminário. Realização de um ensaio em vídeo.

V- AVALIAÇÃO

1.         Exercícios em audiovisual: (individual 30%)
a.         Ex.1: Estética DIY: Autorretrato
b.         Ex.2: Relações artes e audiovisual (trabalho integrado com a disciplina História da Arte)
c.          Ex.3: Estética do Remix/arquivo (trabalho integrado com a disciplina Manipulação da Imagem)
2.         Seminário: texto do seminário, apresentação multimídia e comunicação verbal (em grupo 20%)
3.         Vídeo ensaio: (individual 30%)
4.         Diversos: Relatório, frequência, participação em aula, exercícios em classe e outros (individual 20%)

VI- BIBLIOGRAFIA BÁSICA

BELLOUR, Raymond. Entre-imagens. Campinas: Papirus, 1997.
EISENSTEIN, Sergei. A forma do filme. Rio de Janeiro: Zahar, 2002.
LEÃO, Lucia (org.). Processos do Imaginário. São Paulo: Képos, 2016.
JENKINS, Henry. Cultura da convergência. São Paulo: Aleph, 2009.
JOST, François. Do que as séries americanas são sintoma. Porto Alegre: Sulina, 2012.

VII- BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

EISENSTEIN, Sergei. O sentido do filme. Rio de Janeiro, Jorge Zahar Editor, 1990.
LEÃO, Lucia. A estética do labirinto. São Paulo: Ed. Anhembi, 2002.
MACHADO, Arlindo. Pré-Cinema & Pós-Cinema. Campinas: Papirus, 1997.
MANOVICH, Lev. Novas mídias como tecnologia e ideia: dez definições. In: Lucia Leão (org.). O chip e o caleidoscópio: reflexões sobre as novas mídias. São Paulo: Editora SENAC, 2005.
MICHAUD, Philippe-Alain. Filme: por uma teoria expandida do cinema. Rio de Janeiro: Contraponto, 2014.


terça-feira, 25 de julho de 2017

Lista de Periódicos

http://compos.org.br/periodicos.php

segunda-feira, 15 de maio de 2017

III Encontro de Pesquisa CCM - Políticas da Partilha


Dias 30 e 31 de maio de 2017, terça e quarta feira, das 14h às 19h30.
TUCA - Teatro da Universidade Católica | Auditório Paulo Freire
Rua Monte Alegre, 1024, Perdizes

Sobre o CCM;
 
https://www.facebook.com/events/1862490060656321/

segunda-feira, 6 de março de 2017

Communication, Power and Counter-power

CASTELLS, Manuel. Communication, Power and Counter-power in the Network Society. International Journal of Communication, [S.l.], v. 1, p. 29, feb. 2007. ISSN 1932-8036. Available at: <http://ijoc.org/index.php/ijoc/article/view/46>. Date accessed: 06 Mar. 2017.

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Creative Time Summit DC: Occupy the Future





O Grupo de Pesquisa em Comunicação e Criação nas Mídias (CCM) do Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica (COS) da PUC-SP convida para a transmissão do evento Creative Time Summit DC: Occupy the Future.

DESCRIÇÃO

O Creative Time Summit - a maior conferência de arte e transformação social do mundo - acontece em Washington, D.C., ocupando de 14 a 16 de outubro o prédio histórico do Lincoln Theatre.
Ao se instalar na capital da nação poucas semanas antes das eleições presidenciais de 2016, o Creative Time Summit DC utiliza este importante momento para considerar coletivamente o significado do que seria uma transformação radical no entendimento atual de democracia.
Teremos a presença de Alicia Garza, co-fundadora do movimento Black Lives Matter, Hans Ulrich Obrist, diretor artístico da Serpentine Galleries, o homen de frente das bandas Minor Threat e Fugazi Ian MacKaye; Haneen Zoabi, política árabe-israelense, que atualmente serve no parlamento Knesset para a coligação árabe Joint List. O colunista do Guardian e da Harper’s Thomas Frank; e a artista genderqueer Vaginal Davis, e muito mais! O Summit de 2016 oferece uma plataforma para que estratégias de cidadãos e de movimentos de minorias trabalhem juntos, assim como perturbem, políticas eleitorais.

SEXTA, 14/10/16

11h - SEÇÃO 1 - OCUPAR O PODER
O que significaria para movimentos sociais tomar o poder de fato? O que seria necessário para transformar resistência em revolução? Os palestrantes desta seção estão reavaliando as estruturas políticas atuais para produzir alternativas radicais e redistribuição do poder.
Mediação: Haneen Zoabi (Israel)
Palestrantes: Jonas Staal (Rotterdam/Amsterdam, Holanda), Peter Svarzbien (El Paso, Texas), Liberate Tate (Londres, UK) e Keyti & Xuman, Journal Rappé (Dakar, Senegal)

13h05 - CONVERSA
Com Waris Ahluwahlia (New York, NY) and Nato Thompson (Curador Chefe da Creative Time, NY)

13h25 - VIDEO
CULTURUNNERS (diáspora do Oriente Médio | http://culturunners.com/#)

13h35 - O CASO PARA O ABSURDO 1
Um século atrás, no Cabaré Voltaire, na Suíça, um movimento subversivo anti-arte se formou em resposta a devastação do que seria a 1ª Guerra Mundial. O Dadaísmo usou o absurdo e o irracional para criticar a política de seu tempo. No momento do aniversário de 100 anos do Dadá, esta seção abarca o irracional como uma espaço político produtivo.
Mediação: Hans Ulrich Obrist (Londres, UK)

15h40 - SEÇÃO 2 - FAÇA VOCÊ MESMO
Como o evento acontece no lugar de nascimento do DC hardcore - um movimento punk do início dos anos 80 com a cultura do DIY (Do-It-Yourself) - esta seção oferece uma oportunidade para destacar praticas culturais que produzem sua própria realidade econômica.
Mediação: Ian MacKaye (Washington, DC)
Palestrantes: Jun Yang (Vienna, Austria / Taipei, Taiwan / Yokohama, Japão), Eva Barois De Caevel, RAW Material Company (Paris, França), Marina Moscoso Arabía, Sofia Unanue & Cynthia Burgos López - CASA TAFT 169 and La Maraña (San Juan, Porto Rico) e JKE, Crew Peligrosos (Medellín, Colômbia).

17h45 - SEÇÃO 3 - NO CERCO
“Não atire!” “Eu não consigo respirar”. As últimas palavras, como as de Michael Brown e Eric Garner, se tornaram parte de nossa fala nos últimos anos: um resultado de diversos movimentos sociais, que tem lutado para trazer a violência para o primeiro plano discursivo. Esta seção convida artistas e ativistas para discutir o trabalho aplicado em comunidades sob ameaça imediata.
Mediação: Alicia Garza (Oakland, California)
Palestrantes: Sheila Pree Bright (Atlanta, Georgia), Joana Hadjithomas & Khalil Joreige (Beirut, Libano) e Shuddhabrata Sengupta - Raqs Media Collective (New Delhi, Índia)



SÁBADO, 15/10/16

11h10 - PERFORMANCE
Voices of A People’s History of the United States

11h40 - SEÇÃO 4 - ESTRANHO E ATUAL
Conforme a cultura contemporânea investiga suas premissas sobre gênero e sexualidade, isso se torna um olhar crítico em sua própria estrutura. A estranheza desafia a normatividade binária e desestabiliza a noção de identidade. Esta seção celebra os líderes e artistas cujo trabalho a frente da construção da estranheza nos proporciona novas maneiras de imaginar nós mesmos.
Mediação: Vaginal Davis (Berlin, Alemanha)
Andrea Bowers (Los Angeles, California), Ryan Hammond (Baltimore, Maryland), Patricia Ariza (Bogotá, Colômbia) e Sheldon Scott (Washington, DC)

15h10 - SEÇÃO 5 - ENTRA O ANTROPOCENTRO
O século XX assistiu o começo de uma nova época na Terra: o Antropocentro, caracterizado pelas mudanças geográficas e ambientais feitas pelos humanos. Esta seção convida cientistas, artistas, e ativistas para falar pelo verdadeiro protagonista no drama dos direitos humanos e da sobrevivência: o Planeta Terra.
Mediação: May Boeve – 350.org (Brooklyn, NY)
Palestrantes: Newton Harrison (Santa Cruz, CA), Terike Haapoja (Brooklyn, NY) e Nut Brother (Shenzhen, China)

17h30 - SEÇÃO 6 - DEMOCRACIA PERTURBADA
Iminente no pano de fundo do tema do evento é o espectro e a realidade das eleições nos EUA. Esta seção explora a complexidade da representação, democracia, e responsabilidade global. Dado o impacto internacional sobre nossas decisões, quais direitos e interesses são realmente defendidos pelos políticos?
Mediador: Thomas Frank (Washington, DC)
Palestrantes: Carrie Mae Weems (New York), Khalid Albaih (Qatar & Sudan), Hank Willis Thomas and Eric Gottesman - For Freedoms (New York, NY & Cambridge, MA), Pedro Reyes (Mexico City, México)



A conferência será transmitida em inglês.
Site do evento: http://creativetime.org/summit/dc-2016/
Local da transmissão: COS | PUC-SP
Endereço: Campus Perdizes, Prédio Novo, 4º andar, sala 4A-07
Informações: Vanessa Lopes - hieia@me.com



quarta-feira, 7 de setembro de 2016